quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Vice Campeão


Texto base: I Samuel 23:16 e 17

Ficar em segundo lugar em nossa cultura é o mesmo o que ser um perdedor. Ser medalha de prata chega a ser desonra para muitos nas olimpíadas. Alguns até tiram e desprezam essa medalha em prantos, como se tivessem ficado em último lugar! 

No futebol o vice campeão quase nem é homenageado. Se a seleção brasileira ficar em segundo lugar numa competição é como se tivesse perdido. Na fórmula um o segundo perdeu a corrida! A vice miss brasil não foi a mais bonita! Você sabe o nome de alguma vice miss brasil?

Falando em nome, quem é o vice prefeito da sua cidade? E o vice governador do seu estado? E o vice presidente do Brasil? Quem é o vice presidente dos Estados Unidos? (se respondeu a essas perguntas você está entre os um por cento que sabem, se não sabe nenhuma é normal, essa é a nossa cultura). No Oscar, num show de talentos, numa gincana, em qualquer situação, estar em segundo lugar não é o máximo, não é o melhor! 

Agora observe como ser o primeiro é algo marcante, a ponto de tornar uma marca em um conceito nomeando ações, observe os seguintes exemplos: Quando você vai tirar uma cópia, você diz: vou tirar uma Cannon ou um Xerox? Quando vai comprar um aparelho de barba, pede uma lâmina de barbear ou uma Gillete? São as marcas que chegaram em primeiro lugar! 

Quem foi o primeiro homem a pisar na lua? Ótimo, você lembrou! Agora me diga o nome do segundo? Evidentemente você acertou o primeiro, deve ter dito a si mesmo: o primeiro homem a pisar na lua foi Neil Armstrong, mas e o segundo? Yuri Gagarin foi o primeiro homem a ir ao espaço sideral, mas, e o segundo?

Ser o segundo significa que tem alguém melhor! Mas não é assim no reino de Deus! Jônatas não se sentia menos em ser o segundo, e numa situação em que ele tinha tudo para querer ser o primeiro, pois era o primeiro na linha de sucessão do reino de Israel, numa cultura onde o filho mais velho recebia o trono do pai depois que ele morresse, é inacreditável o que ele disse para Davi:

Jônatas foi encontrar-se com ele ali e lhe deu coragem para confiar na proteção de Deus. Jônatas disse: Não tenha medo. Saul, o meu pai, não conseguirá causar-lhe nenhum mal. Você será o rei de Israel, e eu ocuparei o segundo lugar no seu governo. E o meu pai sabe muito bem disso (I Samuel 23:16 e 17).

Que fantástico era Jônatas! Que caráter cristão! Que nobreza e aceitação da vontade de Deus! Ele não via problemas em ser o segundo, em não estar na "poliposition." Jônatas não teve vergonha de dizer isso para Davi, e estava feliz de ser o segundo lugar ou o vice no reino de Israel.

Para Saul, ou Jônatas seria o primeiro, ou nada! Sua obsessão para ser o número um custou sua vida eterna e a vida terrena do seu filho. Em Mateus 18:2-4 Jesus fala sobre quem é o maior, mas quebra os paradigmas da nossa cultura dizendo que quem quiser ser o maior, seja o menor! No reino de Deus o segundo lugar tem muito valor, aliás, para Deus "os últimos serão os primeiros". Na corrida cristã não receberá a medalha de ouro somente quem chegar em primeiro lugar, mas todos que chegarem!

E você, tem dificuldade de ser o segundo lugar? De não estar em evidência?  Aprenda a ser um segundo lugar feliz, pois nunca seremos o primeiro em tudo! Quem não aprende a perder nunca será um vencedor. Na faculdade, na escola, no trabalho, em casa, para Deus você pode ser o primeiro, mesmo estando em segundo lugar. Davi estava em último lugar em sua casa quando o profeta Samuel foi ungir o rei de Israel, mas foi o primeiro para Deus. Mas tem uma coisa que não pode ser o segundo, é Deus! Ele sim sempre deve estar em primeiro lugar na sua vida!

Pr. Yuri Ravem
@yuriravem

1 comentários:

  1. muito bom.É bom sabermos que existe um Deus que nos ama e que cada um tem seu 1º lugar no coração de Deus

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...