segunda-feira, 30 de agosto de 2010

O Pecado de Cam: análise bíblica e do Espírito de Profecia

Você já teve curiosidade de saber por que Cam (ou Cão em algumas versões da Bíblia) foi duramente amaldiçoado por seu próprio pai? Será que ter visto o pai nu seria tão pecaminoso a ponto de ter sua descendência condenada à servidão?

Uma vez ouvi dizer que Cam teria se deitado com a mulher de seu pai, mas não havia muitas evidências, mesmo citando Levítico 20:11 que diz: “O homem que se deitar com a mulher de seu pai terá descoberto a nudez de seu pai”. A maioria dos comentaristas da Bíblia simplesmente afirmam que Cam viu o pai nu e isso foi falta de respeito.

O objetivo deste artigo é fazer uma análise bíblica e do Espírito de Profecia para descobrir o que foi esse pecado. Antes, leiamos o texto a ser estudado:
Genesis 9:21 a 25: “Bebendo do vinho, embriagou-se e se pôs nu dentro de sua tenda. Cam, pai de Canaã, vendo a nudez do pai, fê-lo saber, fora, a seus dois irmãos. Então, Sem e Jafé tomaram uma capa, puseram-na sobre os próprios ombros de ambos e, andando de costas, rostos desviados, cobriram a nudez do pai, sem que a vissem. Despertando Noé do seu vinho, soube o que lhe fizera o filho mais moço e disse: Maldito seja Canaã; seja servo dos servos a seus irmãos”.

É interessante notar que Noé, pai de Cam, não estava sóbrio, ou seja, seu filho teria se aproveitado de uma situação de embriagues do pai para fazer algo abominável, pois foi dura sua punição.

O que significa ver a nudez? Quando Moisés (o mesmo autor de Genesis) se refere às leis dos pecados sexuais em Levítico, usa o mesmo termo de Genesis para “nudez” (‘erevat). Leia atentamente os textos seguintes para responder o que significa ver ou descobrir a nudez de alguém no pensamento de Moisés:

Levítico 20:17 a 20: “Se um homem tomar a sua irmã, filha de seu pai ou filha de sua mãe, e vir a nudez dela, e ela vir a dele, torpeza é; portanto, serão eliminados na presença dos filhos do seu povo; descobriu a nudez de sua irmã; levará sobre si a sua iniqüidade. Se um homem se deitar com mulher no tempo da enfermidade dela e lhe descobrir a nudez, descobrindo a sua fonte, e ela descobrir a fonte do seu sangue, ambos serão eliminados do meio do seu povo. Também a nudez da irmã de tua mãe ou da irmã de teu pai não descobrirás; porquanto descobriu a nudez da sua parenta, sobre si levarão a sua iniqüidade”.

Ver ou descobrir a nudez é mais do que simplesmente observar com os olhos alguém nu, a expressão é um eufemismo para contatos íntimos ou até mesmo relações sexuais. Assim, provavelmente, o que Cam fez foi mais do que ver seu pai nu.

Não pretendo definir na prática como foi o acontecido, mas fica claro que ele ofendeu a honra do pai, e por isso, ele e sua geração foram amaldiçoados por isso.

Os descendentes de Cam, os Cananitas, perpetuaram práticas homosexuais, e anos mais tarde Deus destruiu Sodoma e Gomorra por causa de perversões, dentre elas, desta mesma natureza. Em Genesis 19 vemos que os cananitas queriam cometer atos homosexuais com os anjos que foram visitar a cidade, e só não fizeram por que foram impedidos pelo poder de Deus.

A escritora Ellen G. White inspirada por Deus comenta o seguinte sobre o pecado e condenação de Cam:

“Seguindo a linhagem de Cão, por meio do filho em vez de o pai, declarou ele: 'Maldito seja Canaã; servo dos servos seja aos seus irmãos.' Gên. 9:25. O atentado aos sentimentos de afeição natural por parte de Cão, declarou que a reverência filial muito tempo antes havia sido repelida de sua alma; e revelou a impiedade e vileza de seu caráter. Estas más características perpetuaram-se em Canaã e sua posteridade, cujo delito, continuado, atraiu-lhes os juízos de Deus”. E.G. White, Patriarcas e Profetas, 117.

A expressão usada por ela é “atentado aos sentimentos de afeição natural” ou em inglês “unnatural crime”. Essa mesma expressão “unnatural crime” se refere ao pecado de Ruben (Patriarcas e Profetas, 238), que foi de ordem sexual; e ao pecado de Amnon (Patriarcas e Profetas, 727), também de ordem sexual. Ou seja, quando ela diz que o pecado de Cam foi um “unnatural crime”, ela está se referindo a um pecado de ordem sexual.

Em Romanos 1:26 e 27 Paulo usa uma terminologia semelhante quando fala que homens e mulheres mudaram seu contato ou modo natural, e ele se refere explicitamente ao homossexualismo. Leia: “semelhantemente, os homens também, deixando o contato natural da mulher, se inflamaram mutuamente em sua sensualidade, cometendo torpeza, homens com homens, e recebendo, em si mesmos, a merecida punição do seu erro” (Romanos 1:27).

Note também que ao falar do pecado de Cam Ellen White enfatiza “impiedade e vileza de seu caráter” e que “estas más características perpetuaram-se em Canaã e sua posteridade, cujo delito, continuado, atraiu-lhes os juízos de Deus”. Não poderíamos supor que ver alguém nu seria tão abominável para ser descrito como lemos. E como foi mencionado, os descendentes de Cam realmente foram punidos por essas práticas homossexuais.

Assim, tudo leva a crer que o pecado de Cam foi o de homossexualismo. Desta forma, fica mais um alerta sobre esta questão que é condenada na Bíblia.

Pr. Yuri Ravem
yuriravem@yahoo.com.br

21 comentários:

  1. Interessante o artigo. Abaixo vão minhas observações sobre alguns problemas com as conclusões do autor:

    1. Embora o autor tenha concluído que o pecado de Cam foi homossexualismo, ele precisaria necessariamente concluir que o ato foi praticado com seu próprio pai o que fica difícil defender baseando em todo o contexto da história.

    2. Um detalhe no relato que o autor ignorou nos leva a concluir que o pecado de Cam foi simplesmente "ver" e não praticar o homossexualismo com seu pai. Veja que os outros filhos de Noé pegaram um capa "puseram-na sobre os próprios ombros de ambos e, andando de costas, rostos desviados, cobriram a nudez do pai, sem que a vissem." Sem e Jafé sabiam que o mero olhar a nudez de seu pai seria, EM SEU CONTEXTO, um pecado e por isso não olharam, diferente de Cam que olhou. Esse detalhe é crucial para entender a história.

    3. Além disso, se Cam praticou homossexualismo com seu pai, então a Bíblia deveria ter tido: "Sem e Jafé, não praticando atos sexuais com seu pai, o cobriram." Não é o que a Bíblia diz. Eles não quiseram cometer o mesmo erro que Cam havia cometido, ou seja "olhar" seu pai desnudo.

    4. A Bíblia tem expressões tanto para "ver a nudez" bem como "deitar-se", fica claro que o autor de Gênesis poderia ter usado a expressão "deitou-se com seu pai" se este tivesse sido o caso. Ele não o fez. Note que a revelação foi progressiva e o contexto de nossos primeiros pais era diferente. Deus possivelmente estava tentando coibir o pecado sexual colocando barreiras contra o próprio ato de "olhar". Isso não se aplica mais a meu ver, pois é natural hoje que pais tomem banhos com seus filhos até uma certa idade como maneira de criar intimidade, especialmente no caso de pais e meninos.

    5. A passagem de Ellen White usada embora seja forte contra a descendência de Cam, não apóia a conclusão de que Cam sofria do mal do homossexualismo "per se". Obviamente o pecado de Cam foi "de ordem sexual", pois ele não só viu seu pai nu mas de alguma forma o desonrou ao contar para seus irmãos. É possível que ele fez chacota de seu pai ou "tirou sarro dele" pela sua situação.

    6. Concluir que Cam era homossexual simplesmente porque alguns de seus descendentes eram é um silogismo indefensável. Nem mesmo EGW infere isso na sua passagem. Isso seria equivalente a dizer que o pecado de Adão ao comer da fruta foi "assassinato" porque Caim foi o primeiro assassino. Caim sendo descendente de Adão mostrou o mesmos traços de caráter de Adão, o assassínio. Não faz sentido.

    7. As passagens de Paulo citadas não se aplicam ao texto, haja vista que tratam de outro contexto histórico e culturas e se referem a outras práticas sexuais.

    Com base nessas poucas evidências (creio que há mais objeções sobre o artigo), creio que infelizmente as conclusões do artigo penderam para a especulação. A Bíblia é bastante clara sobre o pecado do homossexualismo, não é necessário começar a esticar textos como esse para provar que a prática do homossexualismo é contrária à vontade de Deus.

    Um abraço,
    André Reis
    www.IgrejaAdventista.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei muito da sua explicaçao irmao.Muito obrigada.Que Deus lhe abençoe grandemente.

      Excluir
    2. Excelente a exposição de razões que se contrapõem à ideia de que Cam tenha cometido o ato homossexual, aproveitando-se da situação de seu pai, sugerida pelo texto original. Se levarmos em conta que os atos homossexuais eram - e são - considerados "abominação" no texto bíblico e naqueles tempos eram punidos com a pena de morte, razão não haveria para que sobre o personagem em questão não fosse infligida a pena capital, mas apenas uma maldição sobre a sua descendência.

      O homossexualismo, condenado pela Bíblia como uma abominação, estaria no texto em questão extremamente qualificado pelo fato da vulnerabilidade causada pela embriaguês da vítima e muito mais por ter sido perpetrada contra o próprio pai. Não consigo enxergar razões para que a condenação não fosse a pena de morte, se o ato homossexual tivesse sido o crime.

      Excluir
    3. Um texto pode ser interpretado de acordo com a visão de cada um... sendo assim, não seria um pecado tirar conclusões só porque vocês querem dessa forma?

      Excluir
  2. Então o pecado que perpetuou na descendência de Cam foi o de ver o pai pelado? Deus amaldiçoou Cam e sua descendência por que eles ficavam vendo seus pais pelados? Esse foi o crime que Cam cometeu? Noé bebeu até ficar bêbado, focou nu, seu filho viu, e então foi duramente condenado por ver?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No que eu entendo da historia e seu contexto, Cam viu a nudez de seu pai, a principio por acidente, mas ele se aproveitou da situação para fazer chacota, difamar seu para os seus irmãos, até os chamando também para ver a sena. Quebrando o quinto mandamento: honrar pai e mãe. Alem de tudo do que já foi dito e citado.

      Excluir
    2. Concordo na desonra ao quinto mandamento.

      Excluir
  3. Anônimo,

    As tendências desobedientes dos filhos de Cam se perpetuaram, não só na parte sexual, mas na violência, idolatria e outros pecados. Cam desobedeceu abertamente um princípio que a história indica ser bastante importante naquela época, o de não descobrir a nudez de seus pais, como mostra também a atitude de Sem e Jafé que cobriram seu pai sem olhar para ele.

    O olhar a nudez (principalmente para os homens) era um primeiro passo para outros pecados sexuais por isso Deus proibira isso já no tempo de Noé, embora a Bíblia só relate isso bem mais tarde, através das leis de Moisés.

    Cam desprezou esse princípio, mostrou obstinação e isso lhe custou uma maldição por parte de Noé. É possível que Cam possa ter feito pouco caso de Noé por ele estar embriagado e desnudo, o que adicionaria o pecado de desonrar o pai, mas não temos muita informação para concluir isso.

    Essa maldição não significa também que os descendentes estavam inexoravelmente fadados ao fracasso. A maldição de Noé possivelmente expressa uma advertência sobre qual seria o possível futuro dos descendentes de Cam se eles continuassem na obstinação de Cam. Lembre-se que embora a genética seja fator importante, cada um é capaz de decidir como viverá sua vida e cada um responderá por si mesmo pelas decisões que fez.

    um abraçø
    André R.

    ResponderExcluir
  4. onde a Bíblia proíbe "olhar a nudez" no sentido de apenas "ver" que você mencionou mas não citou a fonte?

    Outtro ponto, você mencionou que "Cam desobedeceu abertamente um princípio que a história indica ser bastante importante naquela época", onde vemos esse princípio estabelecido?

    Eu li o artigo escrito pelo Pr. Yuri e ele cita o "pecado não natural" que E. White cita sempre como pecado sexual. Por que no caso de Cam seria diferente?

    Por que Noé ficaria tão chateado a ponto de amaldiçoar seu filho simplesmente por que o viu pelado?

    Já ouvi outros pastores defenderem a mesma idéia de que Cam cometeu um pecado sexual, um até era doutor no Antigo Testamento, acho que ele tem mais autoridade e conhecimento para esclarecer um tema um pouco polênmico.

    ResponderExcluir
  5. esse é um tema bem polêmico mesmo, mas é bom discutirmos. Acho que é difícil provar que foi homosexualismo, mas também é difícil supor que foi só ver a nudez.

    Eduardo

    ResponderExcluir
  6. alguém sabe o que foi o sacrifício de Jefter? Já me disseram que sua filha ficou virgem a vida inteira.

    ResponderExcluir
  7. Anônimo,

    A distinção entre "ver" e "deitar-se" está em Levítico 18, o capítulo todo faz distinção entre o mero ato de "olhar" e o próprio "deitar-se" ou seja, consumar a relação sexual. Veja

    Lev. 18:7, 20 e 22: "Não descobrirás a nudez de teu pai, nem tampouco a de tua mãe; ela é tua mãe, não descobrirás a sua nudez. ..." Nem te deitarás com a mulher de teu próximo, contaminando-te com ela" ... "Não te deitarás com varão, como se fosse mulher; é abominação."

    Poderia ter dito, "Não olharás a varão... "

    Deut 27:20 também diz "Maldito aquele que se deitar com a mulher de seu pai, porquanto levantou a cobertura de seu pai." Veja aí a distinção entre ver e deitar-se.

    Creio que o segredo aqui são níveis de aproximação sexual: Deus proibiu que os Israelitas sequer vissem as partes íntimas de outros, inclusive da família para evitar o próximo nível que seria a imoralidade sexual consumada.

    Quando disse que Cam desobedeceu abertamente a um princípio, é lógico que o próprio fato de ele haver sido amaldiçoado pressupõe um princípio pré-existente. A atitude de Sem e Jafé comprova isso, eles evitaram olhar também para não cair em condenação. Se Cam conhecia o princípio e mesmo assim desobedeceu, isso mostrou sua obstinação quanto à vontade de Deus para seu tempo e lugar, daí a maldição contra sua descendência: ele fora desobediente e desonrou ao seu pai.

    O pai da Igreja Orígines (185AD) concorda que Cam zombou do estado de seu pai, daí a maldição. Habacuque parece apoiar essa idéia:

    "Ai daquele que da de beber ao seu próximo, adicionando ã bebida o seu furor, e que o embebeda para ver a sua nudez!" Hab. 2:15.

    Quanto ao seu apelo à autoridade do doutor em Antigo Testamento, também tive um professor no Teológico que defendia essa idéia de ato sexual consumado, mas ele defendia que Cam fez sexo com a mulher de Noé.

    São especulações extremas que ferem a intenção do texto. O texto se auto explica, Cam olhou mas Sem e Jafé não olharam.

    Um abraçø
    André R.
    www.IgrejaAdventista.com

    ResponderExcluir
  8. para mim ficou claro que o pecado de Cam foi mais do que olhar, ele feriu a honra sexual do seu pai, seja cometendo homosexualismo ou dormindo com sua mulher.

    A citação de E. White é muito clara e Deus não amaldiçoaria Cam e sua posteridade por um simples "ver" a nudez.

    Thiago Silva

    ResponderExcluir
  9. Essa questão do pecado de Cam é igual o sacrifício de Jefter, ninguém sabe ao certo o que foi, mas que Cam fez algo muito grave fez, acho que não olhou simplesmente para o pai sem roupas, pricipalmente pela citação do Espírito de Profecia.

    Eduardo

    ResponderExcluir
  10. Thiago,

    Você pode ler o texto como desejar, seja Noé sendo sodomizado pelo filho ou Cam dormindo com a própria mãe. Infelizmente, vc o faz sem respaldo bíblico e isso se chama especulação.

    Além de o texto bíblico esclarecer que Cam olhou mas Sem e Jafé não olharam, lembre-se que a Bíblia não usa de rodeios pra descrever o pecado dos seus personagens. O autor de Gênesis poderia ter usado de meias palavras pra descontar a embriaguez de Noé por exemplo, mas não o fez. Seria incoerente o autor descrever abertamente que Noé estava bêbado e ao mesmo tempo de certa forma acobertar o pecado de Cam descrevendo como um mero "olhar" algo que foi muito pior do que isso, ou seja, um abuso sexual de filho para pai.

    Por isso creio que se Cam tivesse sodomizado a Noé, o autor de Gênesis teria descrito o pecado de maneira direta, como o fez com todos os outros personagens, seja a embriaguez de Noé até o adultério e assassinato por parte de Davi.

    Levítico 18 coloca barreiras gradativas na questão da imoralidade sexual começando com um simples olhar e avançando para o "deitar-se".

    Jesus expandiu o conceito dizendo que quem olhar alguém mesmo sem ser desnudo e alimentar a lascívia, está pecando.

    Enfim, o velho ditado "Quem procura, acha" se aplica à leitura da Bíblia também e a EGW, vemos o que estamos querendo ver. Por isso é necessário mais respeito ao texto bíblico para se evitar especulações e conjecturas infundadas.

    Um abraçø
    André R.
    www.IgrejaAdventista.com

    ResponderExcluir
  11. Eduardo,

    Ellen White não apóia a conclusão de homossexualismo, já que ela nem sequer infere isso na passagem.

    FIz uma pesquisa rápida e descobri que EGW baseou a citação sobre Cam inteiramente em um autor da época. (Veja Alfred Edersheim, Bible History, vol. 1, p. 7). Veja o que esse autor diz:

    "As Luther says, "Ham would not have mocked his father, when overcome with wine, if he had not long before cast from his soul that reverence which, according to God's command, children should cherish towards their parents." It is a relief to find the other sons of Noah, so far from sharing their brother's sin, reverently defending their father from the unnatural vileness of Ham. (vol. 1, chap. 7)

    E Ellen White escreveu em inglês:

    "The unnatural crime of Ham declared that filial reverence had long before been cast from his soul, and it revealed the impiety and vileness of his character. (PP 117)"
    [O atentado aos sentimentos de afeição natural por parte de Cão, declarou que a reverência filial muito tempo antes havia sido repelida de sua alma; e revelou a impiedade e vileza de seu caráter.]

    Veja como ela usa as mesmas expressões de Lutero "reverência filial" e de Edersheim "unnatural" e "vileness" (vileza).

    Conclusão: Ellen White não estava fazendo exegese do texto, ela o usou de maneira homilética favorecendo outras interpretações correntes da sua época que geravam em torno de desonra ao pai na questão de ter visto sua nudez e possivelmente ter zombado da situação da sua situação.

    Nem por isso, o pecado de Cam passou sem punição haja vista que ele havia sido obstinado.

    Espero que isso esclareça a questão.

    Um abraçø
    André R.
    www.IgrejaAdventista.com

    ResponderExcluir
  12. olha só galera saber o que aconteceu ou não, se foi um ato ou simplesmente um desejo de cam não irá nos levar mais ou menos perto do céu, a verdade é que o seguinte o homossexualismo é pecado e isso a biblia é clara ( Romanos 1:27 ).

    Que Deus abençõe a todos vcs meus irmãos.
    Ramón de Siqueira

    ResponderExcluir
  13. As coisas reveladas são para nós, as coisas ocultas, são para o Senhor nosso Deus, nunca nos esqueçamos disso!

    ResponderExcluir
  14. As coisas reveladas são para nós, as coisas ocultas, são para o Senhor nosso Deus.Não nos esqueçamos disso!

    ResponderExcluir
  15. Ninguém saiba mais do que convém saber!

    ResponderExcluir
  16. O texto bíblico fala claramente da intenção vê, olhar, uso dos olhos. Os termos adicionantes corroboram para isso, viram, seus irmãos foram de costas para não vê. E esse texto não está falando de "descobrir a nudez" como indica em Levítico. Observo ai uma intenção do autor em criar confusão, não sei se propositadamente ou inocentemente, a verdade é que, descobrir a nudez" não está nesse texto de Noé. E "descobrir a nudez" é diferente de "ver a nudez". Então não levem em consideração essa versão de que Cam fez sexo com Noé. Mas considerando a fonte, vai pelo mesmo caminho do Sábado.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...