sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Em cinco anos consecutivos a Igreja Adventista cresce em mais de 1 milhão

Pelo quinto ano consecutivo, mais de um milhão de pessoas uniram-se à Igreja Adventista do Sétimo Dia por todo o mundo, segundo o relatório estatístico da Igreja para este ano.

Os líderes da Igreja disseram que no ano encerrado em 30 de junho, uma média de 2.800 pessoas uniram-se à Igreja cada dia, levando a membresia total da Igreja para 15.780.719.

Há atualmente 1 adventista para cada 425 pessoas no planeta. Em 1980 a média era de 1 para cada 1.268.

O relatório deste ano reflete uma auditoria de membros da região da América do Sul, que resultou em um declínio de mais de 300.000 membros.

"Conquanto auditorias anteriores em outras divisões também fossem intensas, os totais mais precisos de membros sugere uma visão positiva para o futuro", declarou Bert Haloviak, diretor do departamento de Arquivos e Estatística da sede mundial da denominação.

Registrar uma "membresia realística" pode preparar uma região para crescer, declararam oficiais da Igreja.

Entre 2003 e 2005, a Igreja na região da Ásia Meridional-Pacífico perdeu 400.000 membros, pelas auditorias de membresia, declarou Haloviak. Mas essa região agora tem o segundo mais elevado crescimento regional de 6,6 por cento -- o mais alto índice de crescimento desde que a região foi organizada em 1977, disse o secretário-executivo da Igreja a nível mundial, Matthew Bediako.

Bediako declarou que espera que duas outras das 13 regiões administrativas mundiais da denominação conduzam auditorias semelhantes.

Both Bediako quanto Haloviak apresentaram suas descobertas durante relatórios à sessão de negócio do Concílio Anual em Manila, Filipinas, em 12 de outubro.

Os padrões de crescimento da Igreja indicam que a maior parte do crescimento da denominação teve lugar em sociedades não-ocidentais. Cerca de 89 por cento do crescimento da Igreja ocorreu em seis das 13 regiões administrativas mundiais da Igreja -- América do Sul, América Central, África Centro-Oriental, África do Sul-Oceano Índico, Ásia Meridional e Ásia Meridional-Pacífico

A África e a América Latina abrigam agora cerca de 70 por cento da membresia da Igreja. Cerca de 18 por cento dos membros residem na Ásia, sete por cento na América do Norte e cinco por cento na Europa e Oceania, informou Haloviak aos delegados reunidos.

Bediako disse que se sentia encorajado de que missionários estão agora vindo de mais países e servindo também a mais nações do que jamais antes. Há atualmente mais de 2.800 missionários voluntários servindo por toda as regiões mundiais da Igreja.

Outros dirigentes denominacionais apresentaram seus esforços evangelísticos como parte da iniciativa "Diga ao Mundo", o tema para o qüinqüênio que se encerra em 2010. Gary Krause, diretor do Escritório de Missão Adventista, relatou o sucesso dos pioneiros de missões em países onde a Igreja está se desenvolvendo.

Vários dirigentes também mencionaram o êxito em implantação de igrejas no desenvolvimento do crescimento denominacional. Krause indicou um estudo do Seminário Teológico Fuller segundo o qual são necessárias três pessoas para levar alguém a Cristo numa Igreja que tenha de um a três anos. Esse índice salta para sete pessoas em igrejas que tenham quatro a sete anos. Oitenta e cinco pessoas são requeridas para igrejas que tenham 10 anos e mais.

Os dirigentes disseram que crescimento de igreja decorre de muitas iniciativas, o que inclui o evangelismo de mídia, o testemunho pessoal, escolas e outras instituições e evangelismo público.

Fonte: ANN

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...