Curiosidades Bíblicas

Curiosidades dos aspectos culturais, sociais, geográficos e religioso!

Sermões

Sermões fáceis de pregar

Pensamentos de Ellen White

Coleção de Pensamentos de Ellen White - Diversos Temas!

Sermões para Ocasiões Especiais

Batismo, Santa-Ceia, Formatura e muito mais!

sábado, 16 de dezembro de 2006

NATÁLIA - UM TESTEMUNHO DE FÉ E PERSEVERANÇA

A frequência aos cultos de oração, foi tema de um assunto a pouco tempo tratado neste blog. Inclusive, alguns amigos entraram em contato para justificar sua opinião. Por isso senti o desejo de voltar a discutir este assunto e nesta oportunidade o faço através de um lindo testemunho de fé e perseverança.

Os frequentadores dos cultos semanais como domingo e quarta-feira, são mais felizes. Este fato tenho comprovado em meu ministério. O mais interessante é que estes irmãos são os que menos procuram o Pastor para tratarem de problemas.

A razão é muito óbvia. Através dos cultos de oração, o membro eleva a Deus os seus anseios e permite que outros também o façam através das orações intercessórias e o resultado tem sido muito favorável para estes fiéis. A bíblia menciona que uma das formas de obter a cura, faz parte das orações intercessórias. ( Tiago 5:16 ). Lembrando sempre que “muita oração, muito poder”. Outro ponto em destaque é que ser apenas “sabatistas” não é o suficiente. Os mais consagrados chegam a conclusão que precisam ser adventistas 7 dias da semana e não apenas no sábado.

Talvez seja esta a razão, ou melhor, “a experiência” que alguns tem desfrutado durante anos de sua vida ao freqüentarem os cultos de oração.

Quero compartilhar um testemunho que servirá de motivação para aqueles que podem freqüentar os cultos de oração, mas o deixam de fazer por preguiça ou outra razão qualquer.

Eu conheci a Natália no ano de 2004 quando recentemente tinha sido batizada na Igreja Adventista em cima de uma cadeira de rodas. Essa querida irmã é impossibilitada de andar devido a paralisia que tem desde jovem. Para muitos o estar em uma cadeira de rodas numa situação em que a pessoa praticamente só fala e mal meche as mãos, serviria de desculpas para não frequentar mais a igreja. Infelizmente para alguns uma simples garoazinha já é motivo suficiente.

Mas a Natália é diferente. Ela mora na campanha, que pertence bairro de Palmas na cidade de Bagé-RS.

Por se tratar de campanha, as pessoas moram longe uma das outras levando o nosso querido irmão Manuel, usar a sua caminhonete para buscar os irmãos dessa igreja.

Depois de 1 hora de viagem numa estrada cheia de pedras e muito pó, a Natália já está esperando para subir na caminhonete em sua cadeira de rodas para ir aos cultos.

Recordo-me que no ano de 2005, era uma tarde chuvosa. Eu pensei que a irmã Natália não iria ao culto naquele dia. De repente eu enxergo a caminhote e vejo alguém sentado e enrolado com plásticos pretos e panos. Quem seria? A irmã Natália. Devido as suas debilidades de saúde ela não poderia pegar aquela chuva. Mas o desejo de estar entre os amigos e buscando a presença de Deus sempre arde em seu coração.

Um dia perguntei por que era tão feliz mesmo diante de seus problemas. Ela me respondeu que a felicidade dela é estar onde Deus se faz presente. Que exemplo!

Para o ano de 2007, o grupo escolheu essa irmã para ser conselheira das mulheres. (Sábia escolha)

Desejo compartilhar uma foto que tirei em um dos batismos que realizei recentemente nesse local. Como a igreja não tem tanque batismal, foi preciso o deslocamento para o rio mais próximo. Quem estava lá? A nossa querida irmã Natália.

Ela não perde uma! Sempre marca a sua presença mesmo que tenha que se submeter a situações constrangedoras. Nesse dia ela sentou em uma cadeira de praia e foi amarrada a cordas e um troco que serviu de apoio aos ombros de seus amigos que a carregaram mata a dentro, pois queria muito assistir o batismo de seus amigos na fé. Veja a foto abaixo:



A irmã Natália contribui muito para que através de seu testemunho, seu irmão de sangue, Galdêncio fosse batizando nesse ano. Veja a foto do nosso atual diácono chefe:


Atualmente sua irmã e uma sobrinha também se preparam para para o batismo.

Esse testemunho deveria nos levar a seguinte reflexão: Temos nos esforçado para estar aonde Deus está presente? Existe alguma desculpa que impeça a nossa freqüência aos cultos? Temos sido negligentes a Deus com o nosso tempo?

Que esse testemunho possa motivá-lo a dedicar mais do seu tempo ao Senhor!
Amém.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...