sexta-feira, 4 de agosto de 2006

Série - "Dom de Línguas" (O Dom de Línguas em Coríntios)

Contexto Histórico

· Culturamente Corinto era uma cidade Multinacional, devido à sua importância comercial. Havia romanos, gregos, egípcios, sírios, Judeus e povos de muitos outros países e território vivendo ali. Portanto Corinto era um grande centro político e comercial, lugar de reuniões de todas as camadas sociais da época.
· Com o seu movimentado porto marítimo, era parada quase que obrigatória dos que seguiam do Ocidente para o Oriente e vice-versa. Assim a cidade fervilhava de forasteiros, comerciantes, soldados e marinheiros.
· Nesta cidade culta e cosmopolitana, estava situada uma poderosa e influente igreja cristã, dotada de dons espirituais. (I Cor 1:7)
· Deus concedeu o dom de línguas aos cristãos de Coríntios afim de que eles pudessem anunciar o evangelho aos estrangeiros que por ali passavam.

1 Coríntios 12:
7 A manifestação do Espírito é concedida a cada um visando a um fim proveitoso.
8 Porque a um é dada, mediante o Espírito, a palavra da sabedoria; e a outro, segundo o mesmo Espírito, a palavra do conhecimento;
9 a outro, no mesmo Espírito, a fé; e a outro, no mesmo Espírito, dons de curar;
10 a outro, operações de milagres; a outro, profecia; a outro, discernimento de espíritos; a um, variedade de línguas; e a outro, capacidade para interpretá-las.
11 Mas um só e o mesmo Espírito realiza todas estas coisas, distribuindo-as, como lhe apraz, a cada um, individualmente.

1 Coríntios 12:28 -30 A uns estabeleceu Deus na igreja, primeiramente, apóstolos; em segundo lugar, profetas; em terceiro lugar, mestres; depois, operadores de milagres; depois, dons de curar, socorros, governos, variedades de línguas. Porventura são todos apóstolos? Ou todos profetas?São todos Mestres? Ou operadores de milagres? Têm todos dons de curar? Falam todos em outras línguas? Interpretam-nas todos? Entretanto, procurai com zelo os melhores dons.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...